Porto Alegre em Cena – The Voca People

The Voca PeopleVozes Amigas

Sinceramente eu nunca tinha ouvido falar no “The Voca People”, grupo israelense que estourou recentemente no mundo todo a partir de vídeos divulgados em sites como o You Tube. Admito que fiquei tentado em ir atrás de alguns desses vídeos na internet, mas me segurei. Queria ser um espectador totalmente cru. Queria ser surpreendido… e fui.

No palco, oito artistas que se auto-intitulam alienígenas amigos vindos do Planeta Voca, um mundo onde a comunicação se dá apenas por expressões vocais. Antes do início do espetáculo, uma locução comunica que todos os sons que serão ouvidos durante a apresentação serão emitidos através da boca dos extraterrestres.

Alienígenas Talentosos

O grupo entra no palco com um caminhar desengonçado e um visual interessante. À primeira vista, lembram espermatozóides engravatados. Os alienígenas se mostram perdidos e estranham o local. Quando a luz geral do teatro é acessa, eles se assustam ao enxergar toda platéia (um Salão de Atos lotado, abarrotado). Aos poucos, eles vão se acostumando com todos aqueles humanos de olhares curiosos. São necessários somente esses primeiros minutos de contato com o público para os artistas em cena cativarem toda platéia. Com um jogo que em muito lembra a técnica clownesca, eles desenvolvem situações de interação direta com os espectadores de forma leve e divertida.

Cada contato dos extraterrestres com alguém do público faz com que eles absorvam o histórico ou o estilo musical daquela pessoa. A partir dessa relação, eles demonstram a sua grande habilidade: a de imitar sons. Dessa forma, sem instrumento algum ou qualquer outro recurso, desenvolvemmedleys impressionantes. O primeiro é uma verdadeira cronologia da história da música, indo de “Aleluia” até “Who Let the Dogs Out ”. Na seqüência, eles cantam um mix de várias trilhas famosas do cinema, passando por grandes canções românticas, entre outras. As músicas permeiam as situações que se desenvolvem com a interação da platéia.

Pelo fato de eles serem alienígenas, tudo é estranho para eles, tudo é um mundo novo, como o aplauso, por exemplo. O grupo se constrange e não sabe como deve reagir, assim como eles parecem desconhecer certos sentimentos que vão sendo conduzidos pelas canções como o amor e a morte.

Música é vida

O fio condutor do enredo é o objetivo de conseguir produzir energia para a nave espacial do grupo. Após ter caído na Terra, o transporte alienígena não funciona. Através dos sons que eles próprios emitem, descobrem que a música é capaz de produzir energia para a nave e até de salvar vidas. Em dado momento do espetáculo, um dos aliens de Voca passa mal e parece morrer. Entretanto, a música cantada pelos amigos faz com que o extraterrestre ressuscite.

Através de impressionantes partituras vocais, beat-box humanos e um belo jogo de luzes e cores, o “The Voca People” concede uma lição para todas as pessoas: a importância da música como fonte de energia para a vida. O grupo chega a instigar a platéia a imitar alguns sons emitidos por eles. Com uma apresentação divertida e ingênua, eles não comovem simplesmente através de suas qualidades vocais, mas fazem com que todos reflitam sobre importância de cantar.

Ao final, mesmo obtendo energia suficiente para a nave funcionar e assim poder voltar ao seu planeta, o grupo acaba não decolando para “casa”. Um final sutil que demonstra que os extraterrestres de Voca têm ainda muito o quê ensinar para os humanos da Terra.

Por: Yheuriet Kalil

Foto: Divulgação

Publicações Relacionadas

4 Comentários

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *