Abba Magic e RodHanna no Teatro do Bourbon Country

RodHanna

Festa Show. Esse foi o clima da apresentação das bandas RodHanna e Abba Magic na noite da última sexta-feira, dia 06 de Novembro no Teatro do Bourbon Country.

No horário previsto, os paulistas da RodHanna subiram ao palco para sua performance. Com um repertório formado basicamente por hits dos anos 70, a banda botou para dançar o público apenas razoável que compareceu.

Donos se um show muito performático, com quatro dançarinos, a RodHanna agitou a pista. Destaque para “Killing Me Softly”, “I Will Survive” e “Can’t Take My Eyes Off of You”.

“Os anos 70 foram uma década marcada por as pessoas fazerem muitas coisas juntas. E a principal delas era dançar juntos. A gente quer ver todo mundo dançando junto agora. Libere o John Travolta que existe dentro de você”. E foi com passos sincronizados que o público recebeu “Saturday Night Fever”, ponto alto da apresentação.

As três vocalistas do Rodhanna, todas excelentes, foram o destaque da banda. Ao final do show, apenas Nora Hanna vai ao microfone e, acompanhada do tecladista e violonista Rodrigo Laguna, anuncia: “uma das coisas mais marcantes da minha vida foi ouvir, durante a minha infância as músicas do ABBA” E foi com uma execução belíssima de “I Have a Dream” que a banda chamou a segunda atração da noite, o Abba Magic, ao palco. Permaneceram apenas o baixista e o baterista do RodHanna, que foram músicos de apoio dos ingleses.

Utilizando-se do mesmo visual do Abba e inclusive falando inglês com o sotaque dos suecos, a banda interpreta seus ídolos com perfeição. Foi com “Dancing Queen”, maior clássico do ABBA, que os ingleses abriram sua participação na noite.

A partir dali, o revival foi completo. “Honey Honey”, “Mamma Mia” e “Waterloo” foram apenas alguns dos clássicos que entraram no set. Destaque para “Gimme! Gimme! Gimme! (a man after midnight)”, música que foi sampleada por Madonna para “Hung Up”. Os ingleses do Abba Magic prestaram uma pequena a cantora incluindo a própria “Hung Up” na execução de “Gimme!”.

Steven Warner, que interpreta o guitarrista Björn Ulveaus, se maravilhou com as brasileiras, e não se cansou de elogia-las. Annette Butti e Miranda Richards (Frida e Agentha ) não deixaram por menos, e agradeceram a presença dos homens brasileiros.

O encerramento, que contou com as duas bandas juntas no palco, foi com duas repetições: “Mamma Mia” e “Dancing Queen”.

Após os shows, a noite contou ainda com discotecagem até o final do evento, o que reforça a idéia de não tratou-se de um show, mas sim de uma grande festa.

Por: Marcel Bittencourt

Fotos: Fabiana Menine

Publicações Relacionadas

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *