Nenhum de Nós Canta Beatles no Theatro São Pedro

Nenhum de Nós

O segundo fim de semana de dezembro foi marcado por uma homenagem especial, preparada por uma grande banda gaúcha: o Nenhum de Nós apresentou, em quatro seções, seu show em homenagem a maior banda de todo os tempos: The Beatles. O Poa Show esteve presente no terceiro show, domingo às 18h.

Quase pontualmente, o Nenhum de Nós sobe ao palco com “A Hard Day’s Night” e “Can’t Buy Me Love”, que respeitaram os arranjos originais. Destaque também para os timbres, excelentes, especialmente de baixo e guitarra.

Em um breve discurso, o vocalista Tedhy Corrêa conta que a banda sempre teve como referência os Beatles, e que, por diversas vezes, levantou a idéia de fazer um show em homenagem aos ingleses. Contou ainda que o comentário mais freqüente era “seria um sonho”. Concluiu dizendo que o sonho estava se realizando ali, naquele final de semana.

Veco Marques deixou a guitarra por alguns momentos para tocar, em um Ukulele, a introdução de “Something”. Após calorosos aplausos, a banda executou a canção completa. Após uma versão belíssima de “While My Guitar Gently Weeps” Thedy chamou todos a “inspirarem” juntos no refrão de “Girl”. Para “Eleanor Rigby”, todos deixam o palco, exceto Theddy, que cantou sozinho ao som da orquestração original.

“O sonho de toda banda que gosta dos Beatles é cantar com os Beatles. Mas isso, infelizmente, é impossível. Com todos, pelo menos, é impossível. A gente até ligou para o Ringo, mas… ele disse que estava ocupado. A gente perguntou com o que. Ele não soube responder. (risos) Mas, enfim, a gente conseguiu, com a ajuda da tecnologia, uma forma de cantar com os Beatles.” E foi com inserções alternadas entre os vocais originais com a voz de Tedhy Corrêa que o Nenhum de Nós tocou “With a Little Help From My Friends”, do clássico disco “Sgt. Peppers Lonely Hearts Club Band”.

Novamente a banda se retira, desta vez deixando apenas Veco Marques no violão e João Vicente no Acordeon. A ótima versão instrumental para “All My Loving” arrancou os aplausos mais fervorosos da noite e foi um dos pontos altos da apresentação. Emocionante.

Outros destaques foram as versões para “Lucy in The Sky With Diamonds” e “All You Need Is Love”, que encerraram a primeira parte do set.

Para o bis, mais surpresas. Teddhy Correa volta sozinho para o palco. De posse de um violão, executa sozinho o clássico “Yesterday”. Em seguida, introduz: “Os Beatles foram geniais, em apenas 10 anos. Mas cometeram também alguns excessos. Um deles, por exemplo, foi deixar o Ringo cantar. Porque baterista é uma coisa que… até tem o seu valor. Mas pra ficar ali…” neste momento, Sady Homrich adentra o palco com barba e gorro de Papai Noel para cantar “Yellow Submarine”, com Teddhy na bateria. Para encerrar, “Here Comes The Sun” e “Hey Jude”, com todos os presentes entoando o clássico refrão.

Após pouco mais de uma hora e meia de show, a banda se despede, tendo deixado em seus espectadores a certeza de que a apresentação foi pensada, preparada e executada com muita competência e dedicação.

Por: Marcel Bittencourt

Fotos: Fabiana Menine

Publicações Relacionadas

1 comentário

  1. Pingback: Tweets that mention Nenhum de Nós Canta Beatles no Theatro São Pedro | POA SHOW -- Topsy.com

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *