Fresno lançando o álbum “Revanche” em Porto Alegre

Como já se tornou habitual em Porto Alegre a festa College Rock, parceria da Olelê Music com a Positive e Opinião Produtora traz a Porto Alegre grandes nomes da cena Rock adolescente no Brasil. Desta vez a estrela é da casa: os gaúchos do Fresno lançaram seu álbum mais recente, “Revanche”, domingo, no Bar Opinião.

A abertura ficou a cargo da banda gaúcha Radiocore, além dos paulistas da Vowe. As bandas fizeram shows curtos e deram seu recado com competência. Destaque para a grudenta “Além dos Meus Olhos”, da Radiocore. O destaque negativo ficou por conta da “mórbida semelhança” entre a introdução de uma das músicas da Vowe e o clássico “Freak”, do Silverchair.

Pouco depois das 19h30min o Fresno sobe ao palco com “Die Lüge”. De cara, é possível perceber a guinada no estilo musical da banda. Quando, ao comentar o novo álbum, os gaúchos citaram Rammstein como referência de sonoridade, muitos duvidaram. Foram alvo de piadas e críticas, mas injustamente. Os timbres, os elementos eletrônicos e principalmente o peso que a banda apresenta ao vivo remete, sim, aos alemães. A devoção de fãs emocionados e a energia da composição tornaram “Die Lüge” uma excelente escolha para abertura. Na seqüência, “Quebre as Correntes”, primeiro grande sucesso comercial do grupo, levou parte do público às lágrimas.

Além do peso das guitarras, outro aspecto que chamou muito a atenção foi a estrutura do palco: com uma plataforma por trás da bateria, por onde passavam Tavares e Vavo e o belíssimo efeito de céu estrelado que serviu de fundo.

Visivelmente felizes e motivados por tocar em casa, a banda agradeceu diversas vezes e declarou seu amor por Porto Alegre, desencadeando o tradicional grito “Ah, eu sou gaúcho”. Lucas comentou, ainda, o fato de serem uma banda que veio do underground e chegou ao estrelato pela força de seus fãs: “No lançamento do nosso primeiro disco, a gente tocou para 111 pessoas, na Croco. No segundo, foi aqui, pra 300 pessoas. Hoje a gente ta tocando aqui, de novo, pro Opinião lotado!” disse, emocionado, o vocalista.

O repertório, apesar de curto, foi balanceado entre os grandes hits radiofônicos e o material do ultimo disco. A diferença no estilo e, principalmente, no peso das guitarras é notável. Entre os pontos altos da apresentação, os hits “Uma Música”, “Desde Quando Você Se Foi” e “Redenção”. O encerramento em grande estilo contou com “Polo”, do disco “Redenção” de 2008,e a faixa título “Revanche”, do trabalho mais recente.

Ao final de pouco mais de uma hora e 15, a banda agradece ao público. “Valeu galera, foda pra caralho!!!”, gritou o vocalista Lucas antes de se jogar na galera. Levou alguns minutos até que os seguranças conseguissem trazê-lo de volta ao palco. A banda deixou o palco e, apesar dos pedidos, não houve bis.
Apesar do calor sufocante no Opinião e das pequenas falhas na produção, foi uma ótima noite para os fãs do Fresno.

Por: Marcel Bittencourt

Fotos: Fabiana Menine

Related posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *