Ivan Lins: Comemoração e Novos Arranjos

 
Ivan Lins, que estava em turnê pela Europa durante boa parte de 2010, veio a Porto Alegre neste dia 17 de novembro celebrar seus 40 anos de carreira. Em plena atividade criativa o artista lançou dois álbuns este ano, o CD “Perfil” que possui alguns de seus maiores sucessos, agora gravados com novos arranjos, além do CD “Íntimo” (Intimate), com produção de Ruud Jacobs e Ron van Weelde, gravado na Holanda, o álbum conta com participações internacionais como Take 6, Jorge Drexler, Till Brönner, Alejandro Sanz, Jane Monheit entre outros.
 
Em tom de retrospectiva, a música escolhida para dar início a noite foi “O amor é o meu país”, que se classificou em segundo lugar no V Festival Internacional da Canção de 1970, seguida de seu primeiro grande sucesso “Madalena”, feita em parceria com Ronaldo Monteiro e gravada na época por Elis Regina. Após essas duas músicas, Ivan Lins cumprimenta o público e fala um pouco sobre os anos 70, com muito bom humor conta histórias sobre sua amizade com Elis Regina, a ditadura, e músicas que quase não passaram pela censura.
 
    A apresentação segue com “Deixa eu dizer” e “Abre alas”, que deu início aos maravilhosos solos e improvisos do sax tenor de Marcelo Martins. Ivan ainda canta “Aos nossos filhos” e “Cartomante”, faz uma pequena pausa para falar do lançamento de seus dois novos álbuns, salienta a parceria com o letrista e poeta Vitor Martins e executa “Tchau tristeza”, do disco “Íntimo”. A banda fecha esse bloco de músicas com “Meu país”, que abre espaço para mais um solo de sax, dessa vez soprano.
 
Como de costume nos últimos shows que Ivan Lins vem realizando, houveram dois convidados nessa apresentação, o primeiro deles a subir ao palco foi Geraldo Flach, ovacionado pelo público foi recebido com longos aplausos. Juntos executaram uma música que Ivan compôs em homenagem ao seu instrumento principal, o piano, e também uma música instrumental. Um momento bastante especial no show, que comoveu plateia e banda.
 
Outro momento muito especial foi a participação de Leandro Maia executando a belíssima “Paisagens”, música de seu CD “Palavreio”. Leandro ainda acompanhou a banda cantando “Dandara”.
 
São apresentadas então “Começar de novo” e “Lembra de mim”, esta com solo ao teclado de Marco Brito. “Sou eu” surgiu de uma recente parceria entre Chico Buarque e Ivan Lins, essa música está no CD “Íntimo” e ganhou bastante destaque na voz de Diogo Nogueira. A música “Vieste” foi apresentada com seu novo arranjo, seguida de “Iluminados”, a conhecida “Vitoriosa”, “Depende de nós”, e ainda “Ai, ai, ai, ai, ai”, com direito a solos de sax, teclado e Ivan na percussão.
 
O bis veio com uma surpresa, Leandro Maia volta ao palco para cantar junto com a banda “Bilhete”, e por fim mais uma que está no CD Perfil, “Desesperar jamais”.
 
Sem dúvida uma apresentação memorável, que apesar de longa, manteve o ânimo de todos até o final, e propôs uma retrospectiva marcada por novos arranjos, parceiros novos e antigos, e grandes sucessos.
 
Por: Samuel Nervo
Fotos: Jucinara Schena

Publicações Relacionadas

1 comentário

  1. Pingback: Tweets that mention Ivan Lins: Comemoração e Novos Arranjos | POA SHOW -- Topsy.com

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *