Guns n’ Roses: Inconstante e intenso.

abril 6, 2014
Categoria Reviews

GnR 1 8p Guns n’ Roses: Inconstante e intenso.

   Noite de quinta-feira em Porto Alegre e a cidade se prepara para receber aquele que é, sem duvida alguma, o maior show internacional de 2014: Guns n’ Roses, um dos maiores nomes da história do Rock, retorna à capital gaúcha depois de quatro anos. Em 2010, a banda se apresentou no mesmo local, porém no estacionamento, localizado na parte externa dos pavilhões. Porém, desta vez, o público que se interessou pela nova oportunidade de ver Axl Rose e sua banda foi bem mais modesto: apenas 12 mil pessoas. A abertura ficou por conta da Gunport, ótima banda porto-alegrense que já havia dado as caras na abertura do show de Ozzy Osbourne, em 2011. Com um show baseado em composições próprias, todas em inglês, a banda agradou o público, que respeitosamente dispensou a atenção que a banda merece. Fortemente aplaudidos, mostraram-se prontos para desafios ainda maiores, pois não se intimidaram e deram seu recado. Não fosse a certeza de que haveria atraso da atração principal, poder-se-ia fazer a observação de que o show fora um pouco longo, mas, dentro daquele contexto, a escolha de um repertório de cerca de 40 minutos foi adequada. Para o encerramento, uma interessante versão para “From Out of Nowhere”, do Faith No More. Já eram 21h10 quando a Gunport deixou o palco para, só então, o público começar a clamar pelo Guns. 
    Apesar do atraso histórico de quatro horas em 2010, o Guns n’ Roses, famoso por não ser muito pontual na hora de subir ao palco, vem modificando este hábito. Em Belo Horizonte e Curitiba não houve atrasos e em Florianópolis, na noite anterior, foram apenas 60 minutos. Em Porto Alegre, o relógio marcava 22h18 quando as luzes se apagaram para a introdução instrumental. De trás da bateria surge o icônico guitarrista D.J. Ashba, para a execução do poderoso riff de “Chinese Democracy”. O êxtase do público, instantâneo, foi multiplicado com a entrada de Axl no palco. Os pavilhões da FIERGS explodiram em gritos e aplausos para a figura mais aguardada da noite. Na sequência, o primeiro hit: as primeiras notas do riff de introdução de “Welcome to the Jungle” arrancou uma reação ainda mais estrondosa do público gaúcho. A partir dali, a banda empilhou hits, entregando ao público o que ele mais esperava: as canções que fizeram do Guns n´ Roses uma das maiores bandas não apenas de sua época, mas da história da música moderna. 
    Se em 2010 Axl Rose, que já vinha de um histórico recente de performances no mínimo questionáveis, acabou por surpreender positivamente o público porto-alegrense, desta vez o que se pode ouvir não foi tão agradável: extremamente inconstante, Axl seguiu a linha de alguns de seus contemporâneos (como Chris Cornell e Sebastian Bach, para citar alguns exemplos) e alternou momentos de puro brilhantismo com outros inevitavelmente constrangedores: Os gritos que são parte da identidade da banda vieram com tudo em “Live and Let Die” e “Estranged”, além da já citada “Welcome to the Jungle”, ao mesmo tempo em que Axl não teve voz mesmo para os trechos menos desafiadores de “Mr. Brownstone” e “You Could be Mine”. A montanha russa vocal ficou evidente, mas o público não pareceu se importar: a grandiosidade das canções e a emoção com a presença de Axl ali, tão perto, foi mais forte que qualquer deficiência técnica. 
    A personalidade difícil de Axl também deu as caras: em “Better”, Axl simplesmente aborta a execução: “Stop, stop, stop!”, esbravejou o vocalista, nada satisfeito: “Tudo o que eu ouço no meu ear* é ‘ooooohhhhh’. Eu gostaria de ouvir a música. Vamos tentar de novo e você faz melhor, ok?”, reclamou, dirigindo-se ao responsável pelos retornos. Voltando-se ao público, ele se desculpa (“Desculpem por isso, ok?”) e retoma a canção do início. Um momento que seria estranho caso estivéssemos falando de outro vocalista.
    A apresentação, a exemplo do que vem acontecendo em todos os shows da turnê sul-americana, foi permeada por trechos instrumentais (sejam eles solos ou jams) e covers. Entre eles, é importante destacar as versões instrumentais para “Baby I’m Gonna Leave You”, do Led Zeppelin e “Tema da Vitória”, aquele mesmo, das vitórias brasileiras na Fórmula 1, executado com maestria por Bumblefoot, além de “Nice Boys”, do Rose Tattoo e “Holydays in the Sun”, do Sex Pistols, esta cantada pelo baixista Tommy Stinson. Se considerarmos a introdução instrumental e as emblemáticas “Knockin’ on the Heaven’s Door” e “Live and Let Die” (covers, sim, porém daqueles que um artista se apropria em definitivo) foram nada menos que oito intermissões instrumentais e seis covers, o que caracteriza um pouco de exagero, algo desnecessário para uma banda do porte do Guns n’ Roses.
    Mesmo sendo ignorados pelos fãs mais radicais, não tem jeito: os momentos de maior reação por parte do público foram os grandes hits radiofônicos: não é preciso ter a imaginação muito fértil para desenhar mentalmente o que foi a reação às primeiras notas de “Sweet Child O’mine” ou ao assovio que introduz “Patience”. Por fim, para encerrar o show de quase três horas, a banda optou pelo gol certo: “Paradise City” lavou a alma de mais de 12 mil pessoas na já madrugada de sexta-feira.  
    Cheio de altos e baixos, não apenas no que se refere a seu vocalista (a banda por vezes se desencontrou e os solos outrora executados por Slash deixaram um pouco a desejar, apesar do alto nível de seus guitarristas) o show do Guns n’ Roses é, hoje, muito mais uma celebração ao que o Guns foi do que um show de uma banda presente e atuante. No entanto, essa espécie de “tributo a si mesmo” ainda empolga, emociona e leva milhares de fãs ao redor do mundo a terem noites inesquecíveis. Não importa se Axl ainda apresenta no palco um duelo entre o talento e os efeitos do tempo e dos excessos, e nem tampouco o fato de, ao longo do show, ambos vencerem várias vezes. Afinal, quando se tem o nome gravado entre os maiores da história do Rock, não há falha que possa apagar. 

Black Sabbath: Épico e Inesquecível.

outubro 11, 2013
Categoria Reviews

bs5 Black Sabbath:  Épico e Inesquecível.

Quarta-feira, 09 de outubro de 2013. Uma data que ficará marcada para todo o sempre como "o dia em que o Black Sabbath tocou em Porto Alegre". É bem verdade que a banda, sob esta marca, já se apresentara na capital gaúcha em 1992 na turnê do álbum "Dehumanizer", com o excelente Ronnie James Dio nos vocais. Da mesma forma, também é verdade que Bill Ward, baterista que completaria a formação clássica no álbum "13", lançado este ano, não se faz presente na atual turnê. Porém, sem sombra de dúvida, o que se viu naquela incrível noite de quarta foi, sim, um verdadeiro show do Black Sabbath. Antes da atração principal, dois bons show para esquentar os motores: Hibria, uma das melhores (senão a melhor) banda de Heavy Metal do Brasil, mesclou hits com faixas do novo álbum, "Silent Revenge", enquanto o Megadeth, que dividiu opiniões: enquanto alguns foram à loucura com o repertório só de clássicos como "Hangar 18", "Holy Wars" (que fechou a apresentação em grande estilo) e a soberana "Symphony of Destruction", outros viram no show do quarteto americano nada mais do que uma apresentação morna.

Leia mais

Dave Matthews Band nos pavilhões da FIERGS

setembro 22, 2013
Categoria Novidades

dave m g Dave Matthews Band nos pavilhões da FIERGS

A banda americana Dave Mattews Band se apresentará pela primeira vez em Porto Alegre no próximo dia 11 de Dezembro. O show, que acontece a partir das 21h nos pavilhões da FIERGS contará com a participação especial do SOJA, que fará a abertura dos trabalhos.

Os ingressos custam entre R$75,00 e R$370,00. 

Abaixo, informações completas.

DAVE MATTHEWS BAND

Realização: TIME FOR FUN
Apresentação: Quarta-feira, 11 de dezembro de 2013.
Horário: 21h
Local: Pavilhão do Centro de Eventos FIERGS
Av. Assis Brasil, 8787 – Sarandi, Porto Alegre
Ingressos: de R$ 75 a R$ 370 (ver tabela completa)
Duração: aproximadamente 1h30
Classificação etária: De 12 a 15 acompanhados de pais ou responsáveis.
A partir de 16 desacompanhados. Proibida a entrada de menores de 12 anos.
Acesso para deficientes
Central de Vendas Tickets For Fun: 4003-5588
 
SETORES
                                               VALOR    ESTUDANTE  IDOSO
PISTA PREMIUM – 1º Lote        R$ 320     R$ 256           R$ 160
PISTA PREMIUM – 2º Lote        R$ 370     R$ 296           R$ 185
PISTA – 1º Lote                        R$ 150     R$ 120           R$ 75
PISTA – 2º Lote                       R$ 180     R$ 144           R$ 90
PISTA – 3º Lote                       R$ 220     R$ 176           R$ 110
 
 
- 1. Estudantes: desconto de 20%
 
- 2. Idosos: desconto de 50%
 
- Até 1º de outubro, os ingressos comprados poderão ser pagos à vista ou parcelados em 3X em qualquer cartão de crédito aceito pela Tickets for Fun.
 
- O público em geral poderá adquirir ingressos a partir de 26 de agosto.
 
- Clientes MasterCard crédito têm benefício exclusivo: MasterCard ShowPass, tecnologia de acesso que carrega o ingresso no próprio cartão para ser utilizado na entrada do show (ou evento). Mais informações acesse: www.mastercard.com.br/showpass
 
BILHETERIA OFICIAL – SEM TAXA DE CONVENIÊNCIA
 
MULTISOM: Rua dos Andradas, 1001 – Centro
Segunda a sexta-feira, das 11h às 19h; sábado, das 09h às 17h.
Domingos e feriados, fechado.
 
LOCAIS DE VENDA – COM TAXA DE CONVENIÊNCIA
                       
Pontos de venda no link:
http://premier.ticketsforfun.com.br/shows/show.aspx?sh=pdv
 
CENTRAL TICKETS FOR FUN
 
Por telefone, entrega em domicílio (taxas de conveniência e de entrega): 4003-5588
(válido para todo o país), das 9h às 21h – segunda a sábado.
 
Pela Internet: www.ticketsforfun.com.br
(entrega em domicílio – taxas de conveniência e de entrega)
 
FORMAS DE PAGAMENTO
 
Dinheiro; cartões de crédito MasterCard, American Express, Visa e Diners; cartões de débito Visa Electron e MasterCard débito.

 

Black Sabbath confirmado em Porto Alegre

abril 3, 2013
Categoria Agenda, Novidades

 

df5u1t3affno7ldn6tdpxakz3 Black Sabbath confirmado em Porto Alegre
 

 

 

02 de maio
 
Enquanto a expectativa mundial pelo novo álbum ‘13’ não para de crescer, o Black Sabbath anuncia hoje sua turnê na América Latina, com o convidado especial Megadeth. A banda vai se apresentar em Porto Alegre no Estacionamento da FIERGS no dia 9 de outubro; em São Paulo no Campo de Marte no dia 11 de outubro; no Rio de Janeiro na Apoteose no dia 13 de outubro. Os ingressos estarão disponíveis a partir de 6 de maio no site da Tickets For Fun (www.ticketsforfun.com.br).
 
O Black Sabbath já vendeu mais de 70 milhões de álbuns no mundo. Com os integrantes originais Ozzy Osbourne, Tony Iommi e Geezer Butler e produzido pelo vencedor de diversos prêmios Grammy Rick Rubin, ‘13‘ é o primeiro álbum de estúdio da banda desde ‘Never Say Die’, de 1978.  O álbum será lançado no Brasil pela Universal Music em 10 de junho. ‘13’ já está em pré-venda nos sites www.blacksabbath.com e www.amazon.com.
 
A banda de heavy metal Megadeth, que participará da turnê latino-americana do Black Sabbath, já vendeu mais de 38 milhões de álbuns no mundo e foi indicada a diversos prêmios, incluindo 11 indicações ao Grammy®. Seu 14º álbum de estúdio, intitulado Super Collider, está previsto para ser lançado em junho de 2013.
 
No Brasil, os shows são apresentados por SKY, com realização da TIME FOR FUN. As apresentações contarão com a participação especial do Megadeth. Os ingressos estarão disponíveis a partir de 6 de maio e poderão ser adquiridos pela internet (www.ticketsforfun.com.br); pelo telefone 4003-5588; demais pontos de venda em todo o país. 
 
www.blacksabbath.com

https://www.facebook.com/BlackSabbath

https://twitter.com/OfficialSabbath

http://instagram.com/officialsabbath/

 
www.megadeth.com
 
“REUNION” – BLACK SABBATH NO BRASIL
Apresentação: SKY
Realização: TIME FOR FUN
Show de abertura: MEGADETH
 
PORTO ALEGRE (RS)
Única apresentação: Quarta-feira, 9 de outubro de 2013.
Horário: 20h
Local: Estacionamento da FIERGS
Av. Assis Brasil, 8787 – Bairro Sarandi – Porto Alegre (RS)
Capacidade: 30.000 pessoas
Ingressos: de R$ 90 a R$ 500 (ver tabela completa)
Classificação etária: 12 a 15 anos – é permitida a entrada acompanhados dos pais ou responsáveis. A partir de 16, desacompanhados. Proibida a entrada de menores de 12 anos.
Acesso para deficientes
Central de Vendas Tickets For Fun: 4003-5588
 
                               INTEIRA       1             2
PISTA PREMIUM    R$ 500    R$ 400    R$ 250
PISTA – LOTE 1    R$ 180    R$ 144    R$ 90
PISTA – LOTE 2    R$ 200    R$ 160    R$ 100
PISTA – LOTE 3    R$ 220    R$ 176    R$ 110
 
- 1. Estudantes: desconto de 20%
 
- 2. Idosos: desconto de 50%
 
- Todos os ingressos comprados poderão ser pagos à vista ou parcelados em 3 vezes em qualquer cartão de crédito aceito pela Tickets for Fun até 1º de julho de 2013.
 
- A venda de ingresso será iniciada no dia 6 de maio: a partir da 00h01 pela internet, a partir das 10h na bilheteria oficial e PDVs e a partir das 9h pelo telefone.
 
- Limitada a compra de 06 ingressos por pessoa.
 
- Clientes MasterCard crédito têm benefício exclusivo: MasterCard ShowPass, tecnologia de acesso que carrega o ingresso no próprio cartão para ser utilizado na entrada do show (ou evento). Mais informações acesse: www.mastercard.com.br/showpass 
 
BILHETERIA OFICIAL – SEM TAXA DE CONVENIÊNCIA
 
Nos dias 6 e 7 de maio: ESTÁDIO OLÍMPICO 
Avenida Doutor Carlos Barbosa, 1 – Azenha – Porto Alegre.
Das 10h às 18h.
 
A partir de 8 de maio: MULTISOM 
Rua dos Andradas, 1001 – Centro
Segunda a sexta-feira, das 11h às 19h; sábado, das 09h às 17h. 
Domingos e feriados fechado.
 
LOCAIS DE VENDA – COM TAXA DE CONVENIÊNCIA
        
Pontos de venda no link:

http://premier.ticketsforfun.com.br/shows/show.aspx?sh=pdv 

 
CENTRAL TICKETS FOR FUN
 
Por telefone, entrega em domicílio (taxas de conveniência e de entrega): 4003-5588
(válido para todo o país), das 9h às 21h – segunda a sábado.
 
Pela Internet: www.ticketsforfun.com.br
(entrega em domicílio – taxas de conveniência e de entrega)
 
* A entrega/postagem dos ingressos comprados pelo telefone e pela internet será iniciada em 06 de junho, mesma data em que os ingressos estarão disponíveis para retirada.
 
FORMAS DE PAGAMENTO
 
Dinheiro; Cartões de crédito American Express, Visa, MasterCard, Diners; Cartões de Débito Visa Electron e Rede Shop.

 

————————————

 

 

03 de abril

Megadeth participa da turnê como convidada especial; shows acontecerão em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre

A banda de rock Black Sabbath fará três shows no Brasil em outubro. As apresentações serão em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre e informações sobre ingressos devem ser divulgadas em maio. O Megadeth participa da turnê como convidada especial.

Será o primeiro show no Brasil do Black Sabbath, que virá com sua formação original: Ozzy Osbourne no vocal, Tony Iommi na guitarra e Geezer Butler no baixo -, as apresentações serão realizadas em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

Fãs do Black Sabbath também podem aguardar o primeiro disco do grupo com Ozzy em 35 anos . Intitulado "13", o disco será lançado em 11 de junho. O baterista Brad Wilk foi convidado para as gravações, feitas em Los Angeles com produção de Rick Rubin (produtor de Red Hot chili Peppers, Beastie Boys, Metallica).

Segundo a revista "Rolling Stone", "13" tem músicas como "End of the Beginning" e "Age of Reason" que têm cerca de oito minutos de duração.

 

Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/ 

 

iG São Paulo | 03/04/2013 16:02:33 - Atualizada às 03/04/2013 16:03:24
 
_________
 

Lady Gaga: A maior estrela da atualidade, em uma apresentação memorável.

dezembro 27, 2012
Categoria Reviews

gaga Lady Gaga: A maior estrela da atualidade, em uma apresentação memorável.

Existem shows que conseguem entrar para a história de Porto Alegre apenas por sua realização. Metallica, Kiss, Paul McCartney e Roger Waters, apenas para citar alguns nomes, não precisariam ter feito apresentações memoráveis para escreverem seus nomes entre os maiores shows que a capital gaúcha já recebeu. Na última terça-feira, dia 13 de novembro, Lady Gaga trouxe a Porto Alegre sua turnê “The Born This Way Ball” e, apesar do pequeno público (segundo informações oficiais, apenas 16 mil pessoas), foi protagonista de um show histórico. Leia mais

Próxima página »