Prefeitura apresenta plano de revitalização do Largo do Rio da Prata, em Campo Grande, onde funciona polo gastronômico – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro

Imagem de como ficará o Largo do Rio da Prata após a revitalização – Reprodução

A Prefeitura do Rio apresentou, neste domingo (2/6), o projeto para as obras de revitalização do Largo do Rio da Prata, em Campo Grande, na Zona Oeste. O objetivo é revitalizar o espaço na Estrada do Cabuçu, com a construção de áreas de lazer e convivência, e melhorar o polo gastronômico do local para fomentar a economia. O projeto é da Empresa Municipal de Urbanização (Rio-Urbe) e ainda será licitado para que, posteriormente, sejam iniciadas as obras orçadas em R$ 7,8 milhões.

– Esse é um lugar especial. Tivemos uma reunião com a associação comercial há um mês e um dos principais pleitos era que a Prefeitura construísse um projeto para a região do Rio da Prata. Vamos qualificar e urbanizar o local, consolidando o polo gastronômico já existente – afirmou o prefeito Eduardo Paes, acompanhado da secretária de Infraestrutura, Jessick Trairi, do presidente da Rio-Urbe, Armando Queiroga, e do subprefeito da Zona Oeste, Diogo Borba.

As obras de revitalização do Largo da Prata preveem a construção de novas calçadas em piso intertravado e concreto na Estrada do Cabuçu, novo pavimento nas vias de rolamento, travessias elevadas, bancos em concreto, balizadores e bicicletário. A área do polo gastronômico também receberá nova iluminação pública, equipamento de musculação, pórtico e mapa turístico da região.

Imagem de como será a entrada do polo gastronômico – Reprodução

 

A Rio-Urbe fará, ainda, a reforma do Coreto e da Bica D’Água, bens tombados pela Prefeitura desde 1996, por constituírem marcos da paisagem local, recebendo também novo paisagismo e sinalização vertical e horizontal. Mais de 12,3 mil metros quadrados de área pública serão revitalizados.

– A Prefeitura trouxe hoje essa proposta de revitalizar a praça do Rio da Prata. Essa reforma era um pedido aqui da região. A Rio-Urbe trouxe seus profissionais e desenvolveu um projeto priorizando os pedestres. Vamos crescer as calçadas, implementar baias de carga e descarga, colocar novos materiais na praça e bicicletário. Essa praça é um lugar de encontros para atividades físicas e saída para caminhadas e pedaladas. O Rio da Prata é uma região bucólica de Campo Grande. Vamos colocar um totem explicativo sobre as trilhas da região, pois estamos ao lado do Maciço da Pedra Branca – disse Armando Queiroga.

Presidente da Associação Empresarial de Campo Grande (AECG Rio), Samir Nehme comemorou a elaboração do projeto da Prefeitura e lembrou que o polo gastronômico é lei desde 2015.

– A associação está em Campo Grande há 63 anos. Entendemos a importância do Rio da Prata, vocacionado para o turismo ecológico e para a gastronomia. A Prefeitura nos presenteia com esse projeto, e uma vez implantado eu tenho certeza absoluta que vai entregar progresso e desenvolvimento econômico para a região.

Para o subprefeito da Zona Oeste, o projeto de revitalização do Largo do Rio da Prata tem tudo para transformar o local em um novo destino turístico da cidade.

– Tem muita gente que mora em Campo Grande e não conhece a região do Rio da Prata. É um local maravilhoso, o pessoal fica brincando que vai ser a nova Penedo. Tenho certeza que o projeto vai fazer o turismo ecológico aumentar e as pessoas vão passar a conhecer mais o Rio da Prata – declarou Diogo Borba.

Outros dois polos gastronômicos já foram revitalizados para impulsionar a economia local

A Prefeitura, por meio da Rio-Urbe já realizou a construção de dois polos gastronômicos na cidade para impulsionar a economia local. Tradicional espaço boêmio de Irajá, o Beco da Cirrose foi reinaugurado em fevereiro de 2023 após obras de revitalização que custaram R$ 2,6 milhões. Já o Polo Gastronômico do Batan foi entregue para os cariocas em março deste ano. Os investimentos municipais somaram R$ 1,4 milhão.

Categoria:

  • 2 de junho de 2024
  • Marcações: Campo Grande Estrada do Cabuçu Largo do Rio da Prata Polo Gastronômico Prefeitura do Rio reforma Revitalização Rio-Urbe

    Sem categoria