80 músicas para comemorar os 80 anos de Chico Buarque

Foto/Leo Aversa/Divulgação.

Chico Buarque faz 80 anos nesta quarta-feira, 19 de junho de 2024. Para comemorar, a coluna sugere 80 músicas do seu repertório.

Fiz, inicialmente, uma lista de 150 músicas. Descartei 70 e fiquei com 80. Há, portanto, grandes lacunas.

Segui as datas do livro Tantas Palavras (Companhia Das Letras), que organiza as músicas cronologicamente e, por ano, em ordem alfabética.

Tantas Palavras vai até o álbum Carioca, de 2006. As quatro últimas músicas da lista são posteriores.

01 Olê Olá, 1965

02 Pedro Pedreiro, 1965

03 A Rita, 1965

04 A Banda, 1966

05 Com Açucar, com Afeto, 1966

06 Noite dos Mascarados, 1966

07 Quem Te Viu, Quem Te Vê, 1966

08 Carolina, 1967

09 Roda Viva, 1967

10 Sem Fantasia, 1967

11 Ela Desatinou, 1968

12 Retrato em Branco e Preto, 1968

13 Sabiá, 1968

14 Rosa dos Ventos, 1969

15 Samba e Amor, 1969

16 Apesar de Você, 1970

17 Desalento, 1970

18 Samba de Orly, 1970

19 Valsinha, 1970

20 Construção, 1971

21 Cotidiano, 1971

22 Deus Lhe Pague, 1971

23 Olha Maria, 1971

24 Atrás da Porta, 1971

25 Baioque, 1972

26 Bom Conselho, 1972

27 Partido Alto, 1972

28 Quando o Carnaval Chegar, 1972

29 Bárbara, 1972/1973

30 Fado Tropical, 1972/1973

31 Tatuagem, 1972/1973

32 Cálice, 1973

33 Joana Francesa, 1973

34 Acorda Amor, 1974

35 Gota d’ Água, 1975

36 Tanto Mar, 1975

37 Vai Trabalhar, Vagabundo, 1975

38 Passaredo, 1975/1976

39 Meu Caro Amigo, 1976

40 Mulheres de Atenas, 1976

41 Olhos nos Olhos, 1976

42 O Que Será, 1976

43 O Cio da Terra, 1977

44 Feijoda Completa, 1977

45 João e Maria, 1977

46 Folhetim, 1977/1978

47 Geni e o Zepelim, 1977/1978

48 Homenagem ao Malandro, 1977/1978

49 O Meu Amor, 1977/1978

50 Pedaço de Mim, 1977/1978

51 Pivete, 1978

52 Trocando em Miúdos, 1978

53 Bye Bye Brasil, 1979

54 Sob Medida, 1979

55 Bastidores, 1980

56 Eu Te Amo, 1980

57 Mar e Lua, 1980

58 Morena de Angola, 1980

59 Vida, 1980

60 O Meu Guri, 1981

61 As Vitrines, 1981

62 Beatriz, 1982

63 A História de Lily Braun, 1982

64 Mil Perdões, 1983

65 Vai Passar, 1984

66 Bancarrota Blues, 1985

67 Choro Bandido, 1985

68 A Volta do Malandro, 1985

69 Anos Dourados, 1986

70 Estação Derradeira, 1987

71 Todo o Sentimento, 1987

72 Valsa Brasileira, 1987/1988

73 Futuros Amantes, 1993

74 Paratodos, 1993

75 Piano na Mangueira, 1993

76 Carioca, 1998

77 Sinhá, 2011

78 Tua Cantiga, 2017

79 As Caravanas, 2017

80 Que Tal um Samba?, 2022

Na maioria das vezes, Chico Buarque faz letra e música sozinho. Em alguns casos, trabalhou com parceiros. Antônio Carlos Jobim, Vinícius de Moraes, Toquinho, Francis Hime, Ruy Guerra, Gilberto Gil, Augusto Boal, Milton Nascimento, Edu Lobo, Roberto Menescal, Cristóvão Bastos e João Bosco dividiram com Chico a autoria de músicas que aparecem nessa lista.

Sem categoria