Mais 80 músicas para comemorar os 80 anos de Chico Buarque

Foto/Divulgação.

Chico Buarque faz 80 anos nesta quarta-feira, 19 de junho de 2024. Na coluna desta segunda-feira (17), sugeri 80 músicas do seu repertório.

Fiz, inicialmente, uma lista de 150 músicas. Descartei 70 e fiquei com 80. Como houve grandes lacunas, trago agora as 70 e acrescento mais 10.

Segui as datas do livro Tantas Palavras (Companhia Das Letras), que organiza as músicas cronologicamente e, por ano, em ordem alfabética.

01 Tem Mais Samba, 1964

02 Madalena Foi Pro Mar, 1965

03 Meu Refrão, 1965

04 Sonho de um Carnaval, 1965

05 Morena dos Olhos d’Água, 1966

06 Um Chorinho, 1967

07 Januária, 1967

08 Realejo, 1967

09 Até Segunda-Feira, 1968

10 Até Pensei, 1968

11 Bom Tempo, 1968

12 Pois É, 1968

13 Agora Falando Sério, 1969

14 Cara a Cara, 1969

15 Essa Moça tá Diferente, 1969

16 Gente Humilde, 1969

17 Umas e Outras, 1969

18 Cordão, 1971

19 Caçada, 1972

20 Mambembe, 1972

21 Ana de Amsterdam, 1972/1973

22 Cala a Boaca, Bárbara, 1972/1973

23 Não Existe Pecado ao Sul do Equador, 1972/1973

24 Você Vai Me Seguir, 1972/1973

25 Valsa Rancho, 1973

26 Jorge Maravilha, 1974

27 Basta um Dia, 1975

28 Bem-Querer, 1975

29 Flor da Idade, 1975

30 Sem Açúcar, 1975

31 Vai Levando, 1975

32 A Noiva da Cidade, 1975/1976

33 Corrente, 1976

34 Angélica, 1977

35 Maninha, 1977

36 Doze Anos, 1977/1978

37 Teresinha, 1977/1978

38 Até o Fim, 1978

39 Fantasia, 1978

40 Uma Canção Desnaturada, 1979

41 Dueto, 1979

42 Hino de Duran, 1979

43 Não Sonho Mais, 1979

44 Deixe a Menina, 1980

45 De Todas as Maneiras, 1980

46 Almanaque, 1981

47 Amor Barato, 1981

48 Ela é Dançarina, 1981

49 O Meu Guri, 1981

50 Moto-Contínuo, 1981

51 Tanto Amar, 1981

52 Na Carreira, 1982

53 Ciranda da Bailarina, 1982

54 O Circo Místico, 1982

55 Sobre Todas as Coisas, 1982

56 Imagina, 1983

57 Samba do Grande Amor, 1983

58 Tanta Saudade, 1983

59 Tantas Palavras, 1983

60 Brejo da Cruz, 1984

61 Pelas Tabelas, 1984

62 Las Muchachas de Copacabana, 1985

63 Palavra de Mulher, 1985

64 Rio 42, 1985

65 Último Blues, 1985

66 O Velho Francisco, 1987

67 Frevo Diabo, 1987/1988

68 Baticum, 1989

69 O Futebol, 1989

70 Morro Dois Irmãos, 1989

71 Uma Palavra, 1989

72 Biscate, 1993

73 Assentamento, 1997

74 Chão de Esmeraldas, 1997

75 Injuriado, 1998

76 A Moça do Sonho, 2001

77 Ode aos Ratos, 2001

78 Renata Maria, 2005

79 Outros Sonhos, 2006

80 Subúrbio, 2006

Na maioria das vezes, Chico Buarque faz letra e música sozinho. Em alguns casos, teve parceiros. Antônio Carlos Jobim, Vinícius de Moraes, Garoto, Francis Hime, Ruy Guerra, Caetano Veloso, Milton Nascimento, Edu Lobo, Djavan, Dominguinhos e Gilberto Gil dividem com Chico a autoria de músicas que aparecem nessa lista.

Sem categoria