Casan completa dois terços da obra da nova ETA Araquari

Imagens: Divulgação / Casan

Um importante reforço para o abastecimento de água em Araquari está com as obras em ritmo avançado. É a nova Estação de Tratamento de Água da cidade, que já está com dois terços da obra completados. O investimento da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan) na estrutura é de aproximadamente R$ 30 milhões.

A agilidade da execução é possível graças a uma tecnologia de estruturas pré-fabricadas. “Por se tratar de uma ETA pré-fabricada em aço inoxidável, muitos elementos da unidade chegam prontos no local”, explica a engenheira Poliane Kowalski, fiscal da obra. “Nesses locais que já foram montados estamos agora desenvolvendo obras elétricas e mecânicas”.

Entre as estruturas pré-fabricadas, estão os tanques de decantação e o floculador, que trabalham na remoção de impurezas da água. Já outras partes da ETA, são executadas no local. “Hoje, a execução já está em fase de acabamentos no edifício de operações, no edifício de armazenamento de cloro e no chamado tanque de equalização, que ajuda a equilibrar e regular o fluxo de água durante o processo de lavagem”, afirma Poliane.

Quando for finalizada, a nova ETA terá capacidade de tratar até 200 litros por segundo. Isso equivale a 17,2 milhões de litros de água produzida diariamente, o suficiente para encher quase sete piscinas olímpicas. A obra acontece na localidade de Ponto Alto, em terreno cedido pela Prefeitura. A expectativa da Casan é que a Estação fique pronta até o fim deste ano de 2024.

A nova Estação busca reforçar o fornecimento de água a todos os bairros, de forma a colaborar com o crescimento do Município nas próximas décadas. Segundo dados do IBGE, em pouco mais de uma década a população da cidade quase dobrou, indo de 25 mil para mais de 45 mil habitantes. No mesmo período, o PIB foi multiplicado 14 vezes, sendo um dos que mais cresceu no Estado.

Sem categoria